sexta-feira, 11 de janeiro de 2008

Bons amigos

Abençoados os que possuem amigos, os que os têm sem pedir. Porque amigo não se pede, não se compra, nem se vende. Amigo a gente sente! Benditos os que sofrem por amigos, os que falam com o olhar. Porque amigo não se cala, não questiona, nem se rende. Amigo a gente entende!Benditos os que guardam amigos, os que entregam o ombro para chorar. Porque amigo sofre e chora. Amigo não tem hora pra consolar! Benditos sejam os amigos que acreditam na tua verdade ou te apontam a realidade. Porque amigo é a direção. Amigo é a base quando falta o chão! Benditos sejam todos os amigos de raízes, verdadeiros. Porque amigos são herdeiros da real sagacidade. Ter amigos é a melhor cumplicidade! Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinho, há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas!
   
{Machado de Assis}

3 comentários:

déborah capel; disse...

Oie! Nossa o Machadinho(olha só a intimidade) escreve tão bem. Memórias Póstumas foi o único dele que eu li e não gostei, mas tem uma frase nele logo no início que é linda, vou encontra-la e postar no meu blog aí você vê!
Agora essa última frase falando dos espinhos e das rosa é muito perfeita!
Beijão!

Blau disse...

Oie!
Tá admito que não leio muito poesia de autores famosos.
Mas conheço a fama deles e sei como eles são bons nisso.
Mas gostei muito do texto do Machado!

Você vai lendo aos poucos,mesmo porque não é todo dia que posto a série!
Mas tem também o resumo.
Não é a mesma coisa mas...

beijos.

Janete Andrade disse...

Tanmires , 'bires'! :DDD
q post PERFEITO. *-*
e essa frase no final é TUDO! x@~
meus amigos são minha direção... :}

=*