quinta-feira, 8 de julho de 2010

Por dentro


Às vezes quem menos derrama lágrimas é quem mais sofre...

- é como num rio, ou deságua, ou me afogo por dentro...

Isso é tudo...

{Tanmi}

"Por favor, não me analise
Não fique procurando cada ponto fraco meu.
Se ninguém resiste a uma análise profunda,
Quanto mais eu...
Ciumento, exigente, inseguro, carente
Todo cheio de marcas que a vida deixou
Vejo em cada grito de exigência
Um pedido de carência, um pedido de amor.
Amor é síntese
É uma integração de dados
Não há que tirar nem pôr
Não me corte em fatias
Ninguém consegue abraçar um pedaço (...)"

{Mário Quintana}

2 comentários:

Bervelly disse...

Olha só quem tá de voltaa!!!!
Amei os poemas... :*

Tanmires Morais disse...

que de volta!!! --' [oow Deus! rs] amiga, nem sei porque escrevi isso, estava meio p baixo, mas só por isso mesmo... mas vlw pelo coment^^

*: